Paraíso Niilista – O Vazio e o Nada se encontram



Os ombros suportam o mundo - Carlos Drummond de Andrade

 
Novo tópico   Responder tópico    Paraíso Niilista - Índice -> Fórum Poemas e Poesia
Exibir tópico anterior :: Exibir próximo tópico  
Autor Mensagem
t. h. abrahao

Fundador PN


Idade: 37
Registrado: 22/01/05
Mensagens: 574
Localização: são josé do rio preto - sp

MensagemEnviada: 28/05/2006 - 16:17:08    Assunto: Os ombros suportam o mundo - Carlos Drummond de Andrade Responder com citação

Os ombros suportam o mundo
por Carlos Drummond de Andrade


Chega um tempo em que não se diz mais: meu Deus.
Tempo de absoluta depuração.
Tempo em que não se diz mais: meu amor.
Porque o amor resultou inútil.
E os olhos não choram.
E as mãos tecem apenas o rude trabalho.
E o coração está seco.

Em vão mulheres batem à porta, não abrirás.
Ficaste sozinho, a luz apagou-se,
mas na sombra teus olhos resplandecem enormes.
És todo certeza, já não sabes sofrer.
E nada esperas de teus amigos.

Pouco importa venha a velhice, que é a velhice?
Teus ombros suportam o mundo
e ele não pesa mais que a mão de uma criança.
As guerras, as fomes, as discussões dentro dos edifícios
provam apenas que a vida prossegue
e nem todos se libertaram ainda.
Alguns, achando bárbaro o espetáculo
prefeririam (os delicados) morrer.
Chegou um tempo em que não adianta morrer.
Chegou um tempo em que a vida é uma ordem.
A vida apenas, sem mistificação.





Editado pela última vez por t. h. abrahao em 28/05/2006 - 16:21:53; num total de 2 vezes
Voltar ao topo
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada Enviar e-mail Visitar o website do usuário MSN Messenger
Eustaquio Maia




Idade: 71
Registrado: 12/05/05
Mensagens: 391
Localização: Belo Horizonte

MensagemEnviada: 28/05/2006 - 21:47:39    Assunto: Responder com citação

That's it! Wink
_________________
"In a time of universal deceit, telling the truth is a revolutionary act." George Orwell

Eustáquio Maia
Voltar ao topo
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada Enviar e-mail Visitar o website do usuário
Lenore

Fundador PN


Idade: 37
Registrado: 09/05/04
Mensagens: 64
Localização: Catanduva

MensagemEnviada: 29/05/2006 - 05:30:55    Assunto: Responder com citação

Também já postei esse poema aqui. mas o seu ficou bonitinho com essa imagem, então deixa ele aí. Very Happy

http://www.niilismo.net/forum/viewtopic.php?t=237
_________________
Flávia Dellamura
http://www.taedium.com.br/
flavia@ateus.net

O ódio é meu único vício
O desprezo é minha única virtude
O nada, meu único ideal
A.D.C


Editado pela última vez por Lenore em 29/05/2006 - 05:32:49; num total de 1 vez
Voltar ao topo
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada Enviar e-mail Visitar o website do usuário MSN Messenger
Eustaquio Maia




Idade: 71
Registrado: 12/05/05
Mensagens: 391
Localização: Belo Horizonte

MensagemEnviada: 29/05/2006 - 11:22:19    Assunto: sobre a imagem Responder com citação

No meu entender, os brancos da imagem representam os que se libertaram (minoria). Os que ainda estão negros não se libertaram. Portanto, continuam sob o poder das trevas.
_________________
"In a time of universal deceit, telling the truth is a revolutionary act." George Orwell

Eustáquio Maia
Voltar ao topo
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada Enviar e-mail Visitar o website do usuário
t. h. abrahao

Fundador PN


Idade: 37
Registrado: 22/01/05
Mensagens: 574
Localização: são josé do rio preto - sp

MensagemEnviada: 29/05/2006 - 13:11:36    Assunto: Re: sobre a imagem Responder com citação

Também já postei esse poema aqui. mas o seu ficou bonitinho com essa imagem, então deixa ele aí.
peço desculpas porque pesquisei mal. antes de postar algo eu me certifico de que este algo será inédito ou, como o presente caso, flood. então mereço uma advertência.

No meu entender, os brancos da imagem representam os que se libertaram (minoria). Os que ainda estão negros não se libertaram. Portanto, continuam sob o poder das trevas.
fico feliz, de alguma forma, pelo fato de ter sido retirado algum significado da imagem, fora o significado que eu tinha em mente quando fiz esta obra de arte (para ser um pouco irônico). pensei nela como a existência na qual sempre faltarão algumas peças, sejamos nós os melhores montadores de quebra-cabeças. não obstante, nunca completaremos a imagem.


Editado pela última vez por t. h. abrahao em 29/05/2006 - 13:12:55; num total de 1 vez
Voltar ao topo
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada Enviar e-mail Visitar o website do usuário MSN Messenger
Eustaquio Maia




Idade: 71
Registrado: 12/05/05
Mensagens: 391
Localização: Belo Horizonte

MensagemEnviada: 29/05/2006 - 13:40:46    Assunto: a realidade Responder com citação

Certa vez, um aluno da Rosacruz me disse que "a realidade é preto-e-branca", como na figura do poema.
_________________
"In a time of universal deceit, telling the truth is a revolutionary act." George Orwell

Eustáquio Maia


Editado pela última vez por Eustaquio Maia em 02/06/2006 - 14:54:31; num total de 1 vez
Voltar ao topo
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada Enviar e-mail Visitar o website do usuário
Mostrar os tópicos anteriores:   
Novo tópico   Responder tópico    Paraíso Niilista - Índice -> Fórum Poemas e Poesia Todos os horários são GMT - 3 Horas
Página 1 de 1

 
Ir para:  
Você não pode enviar mensagens novas neste fórum
Você não pode responder mensagens neste fórum
Você não pode editar suas mensagens neste fórum
Você não pode excluir suas mensagens neste fórum
Você não pode votar em enquetes neste fórum





    RSS Paraíso Niilista
  Paraíso Niilista – O Vazio e o Nada se encontram
Copyright © Paraíso Niilista – O Vazio e o Nada se encontram
:: Caso encontre erros, aprenda com eles ::
[On-line há ]
[última atualização: 12/04/2021]
  [Powered by]
intelligence...